27-11-2008
CURSO 1
PRINCÍPIOS E ESTRATÉGIAS BIOCLIMÁTICAS - FERRAMENTAS PARA AS FASES INICIAIS DE PROJECTO




DATA
27, 28 e 29 de Novembro 2008

 



OBJECTIVOS
Nos dias de hoje, devido a interacções complexas entre o clima, o ambiente urbano e a actividade humana, as variações climáticas e a abundância de poluentes no ar que respiramos ameaçam a sustentabilidade de grande parte das cidades contemporâneas e empobrecem a qualidade de vida dos seus habitantes. A falta de coordenação entre o ambiente construído e o clima em que este se insere não só implica um maior consumo de energia para aquecimento, arrefecimento e iluminação, como resulta em baixos níveis de conforto ambiental tanto no interior como no exterior dos edifícios.

O curso de Princípios e Estratégias Bioclimáticas – Ferramentas para as Fases iniciais de Projecto, tem como objectivo fornecer um conjunto de conhecimentos e métodos de análise básicos, que suportam a prática da Arquitectura Bioclimática, resultando na concepção e construção de edifícios sustentáveis e que proporcionam o máximo conforto ambiental aos seus ocupantes.
O ênfase será posto na utilização de ferramentas computacionais simplificadas, que permitirão uma aproximação a diversos tipos de questões ambientais, presentes principalmente nas fases iniciais do projecto. As aulas terão um cariz eminentemente prático, sendo a demonstração dos diferentes softwares seguida de exercícios para aplicação dos conhecimentos obtidos durante o enquadramento teórico.

 

 



PROGRAMA
Actualmente é impossível negar a existência da crise energética global que torna necessária, por motivos económicos, a eficiência energética dos edifícios; torna-se também difícil de ignorar a crise ambiental que torna imperativa, por motivos de sobrevivência, a redução de emissões poluentes para a atmosfera. Mas a principal razão para o uso de princípios e estratégias bioclimáticas nos edifícios é, simplesmente, a qualidade arquitectónica.
Indo de encontro ao objectivo de melhorar a qualidade ambiental da Arquitectura, o programa inclui Leitura e interpretação de Dados Climáticos, Cálculo de níveis de Conforto Humano, Análise do Comportamento Térmico e Energético dos Edifícios, Estudos de Acesso Solar e Sombreamento e Optimização da Iluminação e da Ventilação Natural dos espaços.

Designação do módulo: Análise Climática

 

Conteúdos a abordar:

Enquadramento Teórico
Temperatura do Ar, Temperatura de Superfície, Temperatura Radiante, Humidade Relativa, Velocidade e Direcção do Vento, Radiação Solar e nebulosidade.
 
Duração: 1 hora
 
Ferramentas Práticas
IDEA Climate, Meteonorm
 
Duração: 3 horas

 
 
Designação do módulo: Conforto Ambiental

             Conteúdos a abordar:

Enquadramento Teórico
Conforto Térmico, Balanço Energético, Nível de Actividade Física, Resistência Térmica do Vestuário, Oportunidade Adaptativa, Voto Médio Previsto, Percentagem de Disatisfeitos Prevista e Temperatura Fisiológica Equivalente.
 
Duração: 1 hora
 
Ferramentas Práticas
IDEA Thermal Comfort
 
Duração: 3 horas


             Designação do módulo: Comportamento Térmico

             Conteúdos a abordar:

Enquadramento Teórico
Mechanismos de Transferência de Calor, Coeficientes de Transmissão Térmica, Absorção Térmica, Emissividade, Factor Solar, Pontes Térmicas e Condensação.
 
Duração: 1 hora
 
Ferramentas Práticas
IDEA U-Value, IDEA Casanova
 
Duração: 3 horas


              Designação do módulo: Acesso Solar e Sombreamento

              Conteúdos a abordar:

Enquadramento Teórico
Radiação Solar (directa, reflectida e difusa), Padrões de Incidência Anuais, Padrões de Incidência Diários, Período de Sombreamento e Sistemas de Sombreamento.
 
Duração: 1 hora
 
Ferramentas Práticas
IDEA Sunpath, IDEA Shading, AutoCAD
 
Duração: 3 horas

Designação do módulo: Iluminação Natural
 
 
Conteúdos a abordar:
Enquadramento Teórico
Conforto Visual, Iluminância, Factor de Luz Natural, Reflectividade e Sistemas de Reflexão.
 
Duração: 1 hora
 
Ferramentas Práticas
IDEA Daylight
 
Duração: 3 horas


              Designação do módulo: Ventilação Natural

              Conteúdos a abordar:

Enquadramento Teórico
Ventilação Unilateral, Cruzada, Efeito-de-chaminé, Com ajuda do Vento, Ventilação Nocturna, Tubagens Subterrâneas, Perfil horário de Fluxo de Ar eTaxa horária de Renovação de Ar.
 
Duração: 1 hora
 
Ferramentas Práticas
LesoCool
 
Duração: 3 horas

HORÁRIO
Manhã: 9h00 às 13h00 | Tarde: 14h30 às 18h30


DESTINATÁRIOS
Arquitectos, Estudantes de Arquitectura ou qualquer pessoa que esteja interessada nas diversas facetas da Eficiência Energética em Edifícios.



Nº LIMITE DE INSCRITOS
mín. 15 | máx. 30


CERTIFICAÇÃO
Os formandos que frequentarem o Curso receberão um Certificado de Frequência do mesmo.
Para efeitos de Admissão na Ordem dos Arquitectos, o presente Curso equivale a 8 créditos de “Formação Obrigatória em Matérias Opcionais de Arquitectura”.

Carga horária: 24 Horas (8 horas)
Formador:Arq. Helena Massa
Local: Espaço de Formação da OA/SRN
Preço: Consultar formulário de inscrição

 
EVENTOS FUTUROS
EVENTOS PASSADOS
11-10-2008
SEMINÁRIO 1
REABILITAÇÃO URBANA NA ÓPTICA DA SUSTENTABILIDADE + EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NOS EDIFÍCIOS EXISTENTES
Saber mais   
18-10-2008
WORKSHOP 1
CONSERVAÇÃO DA PEDRA
Saber mais   
25-10-2008
WORKSHOP 2
CONSERVAÇÃO DE REVESTIMENTOS E SUPERFÍCIES ARQUITECTÓNICAS
Saber mais   
07-11-2008
SESSÃO TÉCNICA ROBBIALAC
PATOLOGIA E REABILITAÇÃO DE FACHADAS
Saber mais   
08-11-2008
WORKSHOP 3
TÉCNICAS DE INSPECÇÃO E REFORÇO DE ESTRUTURAS EM MADEIRA
Saber mais   
14-11-2008
SESSÃO TÉCNICA WEBER-CIMENFIX
A EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DOS EDIFÍCIOS – CONTRIBUTO DA ZONA OPACA DA FACHADA PARA A SUA MELHORIA
Saber mais   
15-11-2008
WORKSHOP 4
DEMONSTRAÇÃO DE TÉCNICAS DE RESTAURO AZULEJO, ESTUQUE DECORATIVO E PINTURA MURAL INTERIOR
Saber mais   
21-11-2008
SESSÃO TÉCNICA VAILLANT
SOLUÇÕES DE ELEVADA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA, PARA CLIMATIZAÇÃO E PRODUÇÃO DE AQS, ATRAVÉS DA INTEGRAÇÃO DE SISTEMAS
Saber mais   
27-11-2008
CURSO 1
PRINCÍPIOS E ESTRATÉGIAS BIOCLIMÁTICAS - FERRAMENTAS PARA AS FASES INICIAIS DE PROJECTO
Saber mais   
09-01-2009
SESSÃO TÉCNICA JARDINS E AFINS
PAVIMENTOS PERMEÁVEIS, ESTABILIZAÇÃO DE SOLOS E COBERTURAS AJARDINADAS
Saber mais   
10-01-2009
SEMINÁRIO 2
USO RACIONAL, REAPROVEITAMENTO E RECICLAGEM DE ÁGUA + ESPAÇOS EXTERIORES EM CENTROS URBANOS.
Saber mais   
16-01-2009
SESSÃO TÉCNICA ROCA
SISTEMAS AMIGOS DO AMBIENTE
Saber mais   
30-01-2009
CURSO 2
“RE-ARCHITECTURE”
Saber mais   
06-02-2009
SESSÃO TÉCNICA JULAR MADEIRAS
SUSTENTABILIDADE E DESIGN – O PAPEL DA MADEIRA
Saber mais   
07-02-2009
SEMINÁRIO 3
MATERIAIS E TECNOLOGIAS SUSTENTÁVEIS + SISTEMAS DE CERTIFICAÇÃO AMBIENTAL
Saber mais   
13-02-2009
SESSÃO TÉCNICA AMORIM ISOLAMENTOS
NATUREZA E TECNOLOGIA. ISOLAMENTO SUSTENTÁVEL
Saber mais   
20-02-2009
SESSÃO TÉCNICA CRISTAL D ÁGUA
COBERTURAS E PARQUES DE ESTACIONAMENTO VERDES
Saber mais   
25-02-2009
SESSÃO TÉCNICA ROBBIALAC
SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA ENERGÉTICA
Saber mais   
26-02-2009
CURSO 3
SISTEMA DE CERTIFICAÇÃO AMBIENTAL DA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL - LIDERA
Saber mais   
04-06-2009
SEMINÁRIO: ARQUITECTURA > O LADO VERDE
Obra recente 3R/Casa da Vizinha
Saber mais   
04-03-2010
CERTIFICAÇÃO AMBIENTAL DA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL, SISTEMA LIDERA - VERSÃO 2.0
4 Março 2010 > Curso de Introdução | 5, 6 Março 2010 > Curso Avançado
Saber mais   
01-07-2010
CURSO ADIADO PARA DATA A DEFINIR
RE-ARCHITECTURE: APLICADO À NOVA SEDE DA OASRN
Saber mais   
21-07-2010
Sessão Técnica: ANQIP
Associação Nacional para a Qualidade das Instalações Prediais
Saber mais   
17-06-2011
Eco-materiais | Eco-desenho | Eco-estratégias
25 e 26 de Fevereiro | 20 e 21 de Maio | 17 e 18 Junho
Saber mais   
 
 
      © Ordem dos Arquitectos Secção Regional do Norte, 2008. Todos os direitos reservados