OASRN

CONCURSO PÚBLICO DE CONCEPÇÃO PARA O GAIA MUSEU-AMBIENTE




PUBLICAÇÃO DE RESPOSTAS AOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTO
PRORROGAÇÃO DE PRAZO PARA APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS 


Tendo terminado o prazo para publicação das respostas aos pedidos de esclarecimento, sem que as mesmas tenham sido disponibilizadas na plataforma eletrónica, informa-se que, de acordo com o estabelecido no n.º 4 do art.º 8.º dos Termos de Referência, o prazo fixado para a apresentação das propostas irá ser prorrogado, de acordo com as regras previstas no artigo 64.º do CCP, ou seja, no mínimo, por período equivalente ao do atraso verificado.

Mais se informa que, assim que as respostas aos pedidos de esclarecimento forem disponibilizadas na plataforma eletrónica, que se prevê que aconteça dentro em breve, será divulgado o novo prazo para a apresentação das propostas ao concurso.



...........................................................................................................................................

PRAZO PARA MARCAÇÃO DE VISITAS AO LOCAL – Alargado até 12 de Julho



Face às dificuldades comunicadas à plataforma Acingov na inscrição e aprovação de vários interessados no procedimento em causa e consequente agendamento da visita ao local, foi alargado o pedido de marcação de visitas ao local até ao dia 12.07.2020, pelas 17:00H.
Mais se informa que todos os interessados deverão ser diligentes na sua inscrição da plataforma Acingov, sendo que não serão admitidos quaisquer pedidos de marcação de visita ao local posteriores às 17:00H do dia 12.07.2020 ou apresentados por qualquer outra via que não a plataforma Acingov.




...........................................................................................................................................

CONCURSO PÚBLICO DE CONCEPÇÃO PARA O GAIA MUSEU-AMBIENTE

Promovido pela Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia


MARCAÇÃO DAS VISITAS À ÁREA DE INTERVENÇÃO
As visitas ao local de intervenção encontram-se sujeitas a marcação prévia, até às 17H00 do dia 7 de julho, através de uma comunicação genérica, que garanta o princípio do anonimato, na plataforma electrónica Acingov. 
Por força de constrangimentos técnicos da própria plataforma Acingov, aquela comunicação deverá seguir pelo canal da plataforma «Pedidos de esclarecimentos» e não pelo canal «Outras comunicações», como anteriormente informado.
As visitas ao local de intervenção decorrerão nos dias 15, 16, 17 de julho (quarta-feira, quinta-feira e sexta -feira), das 9H00 às 12H30 e das 14H00 às 17H00.



...........................................................................................................................................

CONCURSO PÚBLICO DE CONCEPÇÃO PARA O GAIA MUSEU-AMBIENTE

Promovido pela Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia


VISITAS À ÁREA DE INTERVENÇÃO:
As visitas ao local de intervenção encontram-se sujeitas a marcação prévia, até às 17:00 horas do dia 7 de Julho, através de uma comunicação genérica que garanta o princípio do anonimato na plataforma electrónica Acingov, em «Outras comunicações».
As visitas ao local decorrerão nos dias 15, 16, 17 de Julho (quarta-feira, quinta-feira e sexta -feira), das 9:00 horas às 12:30 horas e das 14:00 horas às 17:00 horas.


CALENDÁRIO:
> Marcação das visitas à área de intervenção: Até às 17H00 do dia 7 de Julho.
> Visitas à área de intervenção: Dias 15, 16, 17 de Julho (9H00 - 12H30 e 14H00 - 17H00)
> Pedidos de esclarecimento: Até ao dia 28 de Julho de 2020.
> Respostas aos pedidos de esclarecimento: Até ao dia 6 de Setembro de 2020.
> Recepção dos trabalhos: Até às 17H00 do dia 16 de Outubro de 2020.



...........................................................................................................................................

CONCURSO PÚBLICO DE CONCEPÇÃO PARA O GAIA MUSEU-AMBIENTE
Promovido pela Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia
Com a Assessoria Técnica do CDRN



O presente Concurso de Concepção, promovido pela Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia e que conta com a Assessoria Técnica do Conselho Directivo Regional do Norte (CDRN) da Ordem dos Arquitectos, tem como finalidade a concepção de um novo Museu para a cidade de Gaia, focado no tema do Ambiente e das alterações climáticas.

O lançamento deste concurso enquadra-se numa intenção Municipal mais ampla de reabilitar pontos nevrálgicos do centro da cidade, que contêm um especial potencial em termos de uso e de referência no espaço urbano. Foi com esse propósito que a Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia decidiu adquirir o terreno da Antiga Fábrica de Cerâmica das Devesas, com uma área de 13.500,00 m2, decisão justificada não só pela criação de um novo polo e circuito integrado histórico e de desenvolvimento cultural, de lazer e fruição pública, como também pela preservação do caracter histórico do local, associando-o às alterações climáticas e aos seus efeitos, causas e consequências.

O projecto do «Gaia Museu-Ambiente» deverá constituir-se como uma referência Nacional e Internacional ao nível da arquitectura, da inovação tecnológica, da comunicação, da eficiência energética e da sustentabilidade ambiental, e deverá ser capaz de integrar as pré-existências industriais, enquanto memória da história do local, e de albergar um programa arrojado, conforme descrito no Programa Preliminar.

O presente concurso visa a selecção de 1 (um) Trabalho de Concepção, ao nível do programa base, para o Museu da cidade de Vila Nova de Gaia, e seu consequente desenvolvimento, ao nível do projecto de execução, na sequência de um procedimento de Ajuste Directo.

 

ANÚNCIO:

D.R. n.º 117, de 18 de Junho de 2020


ENTIDADE ADJUDICANTE:
Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia


CONCORRENTES:

Podem apresentar trabalhos de concepção, enquanto concorrentes:
> Arquitectos, profissionais independentes ou empresários em nome individual, com inscrição em vigor na Ordem dos Arquitectos;
> Pessoas Colectivas ou Agrupamentos de Pessoas Singulares ou Colectivas cujo objecto social abranja a actividade de elaboração de estudos e/ou projectos de Arquitectura;
> Sociedades Profissionais de Arquitectos com inscrição em vigor na Ordem dos Arquitectos, nos termos do Estatuto e da regulamentação aplicável.
Para o efeito, deverão ser constituídas equipas de projecto multidisciplinares, coordenadas pelo arquitecto, autor do projecto ordenador.


JÚRI:
Membros efectivos:
Vereador José Valentim Pinto Miranda (arquitecto), representante do Executivo da C. M. de Vila Nova de Gaia;
> Professor Doutor João Rodrigo Parreira Coelho (arquitecto), designado pela C. M. de Vila Nova de Gaia;
> Dr. António Manuel Ponte (museólogo), representante da Direcção Regional de Cultura do Norte;
> Professor Doutor Lino Tavares Dias (historiador e arqueólogo), designado pela C. M. de Vila Nova de Gaia;
> António Jorge de Moura Leitão Cerejeira Fontes (arquitecto), designado pela OASRN;
Membros suplentes:
> Vereadora Paula Cristina Martins Carvalhal (engenheira), representante da C. M. de Vila Nova de Gaia;
Dr. David Ferreira (historiador), representante da Direcção Regional de Cultura do Norte;
> Alcino Pinto Lopes (arquitecto), designado pela OASRN;
> Dra. Catarina Moita (jurista), designada pela C. M. de Vila Nova de Gaia.


CRITÉRIOS DE SELECÇÃO:
> Originalidade e Criatividade - 30%
Qualidade urbanística e arquitectónica da solução que, através de um conceito original e inovador, seja capaz de potenciar a afirmação do Museu na cidade, numa relação privilegiada com o rio Douro e numa alusão à temática do Museu.
> Integração e Preservação - 20%
Capacidade de integração com a envolvente próxima e de preservação das pré-existências industriais, garantindo a autenticidade e a memória do local.
> Ecossustentabilidade e Inovação tecnológica - 20%
Solução de referência ao nível da sustentabilidade ambiental e da inovação tecnológica, como modelo de vanguarda a nível nacional e internacional.
> Dicotomia espacial - 20%
Capacidade de gestão do espaço, conciliando a criação de espaços articuláveis e autonomizáveis, aptos para várias funções e programas, numa relação fluída entre o interior e o exterior, e a criação de espaços aptos a uma única função, com características arquitectónicas e tecnológicas específicas, vocacionados para exposições.
Exequibilidade - 10%
Solução técnica, construtiva e financeiramente exequível, face ao valor de obra e à vida útil do Museu.


PRÉMIOS:
> Prémios de consagração: 30.000,00 € (1º classificado);
Prémios de participação: 20.000,00 € (a dividir por todos os concorrentes admitidos, num montante máximo de 2.500,00 €/ concorrente);
> Menções Honrosas: 2 (duas) de natureza não pecuniária.


CALENDÁRIO:
> Visitas à área de intervenção: A partir do 20.º dia após a data da publicação do Anúncio (sujeitas a marcação prévia, até às 17:00 do dia que antecede a data anterior, através de notificação genérica na plataforma electrónica AcinGov)
> Pedidos de esclarecimento: Até ao 40.º dia após a data da publicação do Anúncio.
> Respostas aos pedidos de esclarecimento: Até ao 80.º dia após a data de após a data publicação do Anúncio.
> Recepção dos trabalhos: Até às 17:00 horas do 120º dia após a data publicação do Anúncio.


PROCESSO DO CONCURSO:
> Plataforma electrónica certificada:
AcinGov (https://www.acingov.pt/acingovprod/2/index.php/)

> Micro-Site do Concurso:
(https://www.concursosoasrn.com/concurso.asp?Id=53)

....................................................................................................................................